Home


Da série: Raridades

Essa camisa é da segunda edição da Seacom (Semana Acadêmica de Comunicação Social), realizada entre os dias 5 e 12 de maio de 1997. O tema era “Redes ou teias?”

12208075_892660377456181_1720018950_n

O evento foi organizado pelo Caco, em parceria com a Agência Experimental de Relações Públicas. Entre os palestrantes convidados, destaque para o jornalista gaúcho Caco Barcellos, da Rede Globo.

Em 2016, a Seacom estará em sua 21ª edição e será realizada novamente no mês de maio.


Reativação do Caco em 2009

Depois de três anos desativado, o Centro Acadêmico de Comunicação Social reiniciou suas atividades em 2009, com uma nova turma disposta a lutar por melhorias e agitar o curso de Comunicação Social da Unisc.

Presidente da gestão daquele ano, a jornalista Ana Flávia Hantt teve participação importante na reorganização do movimento estudantil dentro do curso e deu voz aos estudantes junto a Coordenação.

A venâncio-airense atualmente é editora de cadernos da Folha do Mate e cursa mestrado em Administração na Unisc.


As lembranças de Ana Karin

Egressa da terceira turma de Relações Públicas da Unisc, a professora universitária Ana Karin Nunes integrou o Caco entre 2000 e 2001, numa época com um acontecimento raro na história do movimento estudantil na Comunicação Social.

Naquele período, três chapas disputaram a eleição para o Centro Acadêmico, algo impensável hoje em dia.

Mestre em Comunicação e doutora em Educação, Ana Karin leciona na Faculdade de Biblioteconomia e Comunicação Social (Fabico) da Universidade Federal do Rio Grande do Sul.


Experiência a serviço do Caco

Editor de esportes da Gazeta do Sul e do Portal Gaz, empresas da Gazeta Grupo de Comunicações, o jornalista José Carlos Ferreira é um dos precursores do movimento estudantil dentro da Universidade de Santa Cruz do Sul (Unisc), quando era acadêmico do curso de Direito.

Sua participação no Centro Acadêmico de Comunicação Social ocorreu entre o final dos anos 1990 e início dos anos 2000. Na sua época, o grupo, ainda pequeno, mas participativo, já lutava contra questões que interferiam na vida do aluno, como o aumento das mensalidades.


A gestão atuante de Ister

Integrante de uma das turmas mais atuantes e talentosas do Curso de Comunicação Social e formada em Jornalismo, Ister Meurer Brum Reis presidiu o Caco entre 1995 e 1996.

Ister presidiu uma gestão que se destacou pelo bom diálogo com a reitoria da Unisc e também com a coordenação do curso. Neste período, foi realizada pela primeira edição da Semana Acadêmica de Comunicação Social (Seacom).

Atualmente, ela está à frente da Promopres Promoções & Eventos, de Santa Cruz do Sul.


O primeiro presidente do Caco

Oriundo de uma das mais tradicionais famílias políticas de Cachoeira do Sul, Marcelo Figueiró teve grande importância na construção do movimento estudantil dentro da Unisc. Ele é fundador e primeiro presidente do Caco, em 1994, além de ter atuado também no Diretório Central dos Estudantes (DCE) da universidade.

Embora tenha concluído a graduação em Publicidade e Propaganda em Porto Alegre, na PUC-RS, Figueiró deixou sua marca dentro do curso, como um dos primeiros nomes de destaque. Hoje, ele ocupa uma cadeira de vereador em Cachoeira e é presidente municipal do PMDB, partido pelo qual milita desde a juventude.


Apresentação da nossa proposta

Os acadêmicos de Comunicação Social – Jornalismo, Frederico de Barros Silva e Mateus Camargo de Souza contam um pouco sobre a ideia deste Projeto Experimental, que busca resgatar as memórias do Centro Acadêmico de Comunicação Social – Caco.